quinta-feira, 28 de março de 2013

Ministério de Paulo: abnegação, consagração, voluntariedade, disposição, sinceridade, fidelidade...


"Porque nós não estamos, como tantos outros, mercadejando a palavra de Deus; antes, em Cristo é que falamos na presença de Deus, com sinceridade e da parte do próprio Deus. Porque jamais deixei de vos anunciar todo o desígnio de Deus" (2 Co 2.17; At 20.27).

Que Deus aplique eficazmente a sua Palavra em nossos corações!

JPMS

terça-feira, 26 de março de 2013

Alguns versículos bíblicos que os soberbos "adoram ouvir e praticar"


"Convém que ele [Jesus] cresça e que eu diminua" (Jo 3.30, ênfase minha);

"Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou [Jesus] manso e humilde de coração" (Mt 11.29, ênfase minha);

"Quem a si mesmo se exaltar será humilhado; e quem a si mesmo se humilhar será exaltado" (Mt 23.12, ênfase minha);

"Também jamais andamos buscando glória dos homens, nem de vós, nem de outros" (1 Ts 2.6, ênfase minha);

"[...] a humildade precede a honra" (Pv 15.33, ênfase minha);

"Disse mais Abrão: Eis que me atrevo a falar ao Senhor, eu que sou pó e cinza" (Gn 18.27, ênfase minha);

"Agora, pois, eu, Nabucodonosor, louvo, exalço e glorifico ao Rei do céu, porque todas as suas obras são verdadeiras, e os seus caminhos, justos, e pode humilhar aos que andam na soberba" (Dn 4.37, ênfase minha);

"Assim também vós, depois de haverdes feito quanto vos foi ordenado, dizei: Somos servos inúteis, porque fizemos apenas o que devíamos fazer" (Lc 17.10, ênfase minha);

JPMS

quinta-feira, 21 de março de 2013

Para a sociedade sem Deus, o errado é tido por certo e o certo, por errado. Mas Deus está vendo...


Não é de hoje que Deus luta contra as mazelas provenientes da natureza decaída do homem (Gn 3; 6.5-7; Rm 5.12). A Bíblia diz que o Senhor "fez o homem reto, mas ele [homem] se meteu em muitas astúcias" (Ec 7.29, ARA, ênfase minha). Assim, fica bem claro o porquê de muitas pessoas procurarem os seus próprios caminhos, em vez de, humildemente, aceitarem a vontade divina (Is 5.20; Mt 19.16-22).

Ao ler as notícias do dia a dia social de nossos tempos, não é difícil encontrar, explicitamente, a decadência da moral nas pessoas, sobretudo entre aquelas que são famosas. Hoje, para muitos, os valores éticos e morais já foram pro espaço. "O que vale mesmo é o que eu penso e faço, não importam as consequências", declaram os incautos. Faz-me lembrar o Salmo 53.1: "Disse o néscio no seu coração: Não há Deus".

Deus, apesar de "banido" desses corações ignorantes, continua "assentado sobre um alto e sublime trono" (Is 6.1). Esses ignaros nem imaginam o que lhes aguarda (Rm 1.18), enquanto, desapercebidos, tripudiam contra os genuínos valores humanos - ao mal, chamam bem; e, ao bem, mal (Is 5.20).

Enquanto a algazarra ostensiva dos pervertidos vê-se e ouvi-se em lugares específicos e públicos, o juízo divino - que tanto é escarnecido pelos abomináveis -, silente, aguarda o momento certo para entrar em cena (Rm 1). Portanto, quem está na lama do pecado e não quer sair dela, suje-se mais e mais; porém, quem se asseia, busque ainda mais purificação, porque sem esta ninguém verá a Deus (Hb 12.14).

Em Cristo,

João Paulo M. de Souza

sábado, 16 de março de 2013

Numa sociedade em que o status socialmente alto é moda, a humildade vê-se suprimida e escassa


Por que não procurarmos unicamente as verdadeiras virtudes escondidas em Jesus? Por que "o ser alguém glamouroso" ou "estar em posição prestigiosa socialmente", seja na igreja, no trabalho, na vizinhança etc., é algo ambicionado sem qualquer ponderação por muitas pessoas? Será que as virtudes de Cristo não nos bastam?

Ainda que conquistássemos o mundo inteiro, jamais seríamos de fato felizes longe de Jesus. A genuína felicidade mora em Cristo - o Caminho, a Verdade e a Vida de Deus (Jo 14.6).

JPMS

sexta-feira, 15 de março de 2013

Dica de leitura: "De todo o teu entendimento: pensando como cristão num mundo pós-moderno"


"Nosso mundo está repleto de fascinantes novas ideias, descobertas e tecnologias. Mas para os cristãos isso também pode significar problemas - especialmente quando os valores do pós-modernismo e da vida universitária secular entram em conflito com princípios cristãos básicos. O que os cristãos devem fazer quando sua fé é atacada em sala de aula ou em praça pública?

De todo o teu entendimento nos mostra que a resposta não está nem na rejeição por atacado da vida intelectual e da cultura nem na aceitação cega disso. A resposta repousa no entendimento de que Jesus é Senhor de toda vida e de que tudo nela deve ser atenciosamente visto à luz do que significa o senhorio de Cristo. 

Gene Eduward Veith expõe uma crítica brilhante ao mundo intelectual e à cultura pós-modernos. Ele ratifica a parte que é boa e verdadeira, mas também exibe as fraquezas críticas das crenças que têm permeado o pensamento contemporâneo. Este livro demonstra aos cristãos como sobreviver e distinguir-se em um mundo pós-moderno enquanto afirma a verdade da fé cristã."

_____________________________

VEITH JR., Gene Edward. De todo o teu entendimento: pensando como cristão num mundo pós-moderno. São Paulo: Cultura Cristã, 2006.

Num mundo pós-moderno, onde podemos encontrar verdades absolutas?

Bíblia Sagrada


terça-feira, 12 de março de 2013

Quando cair o teu inimigo...


Por ser humano, é natural que, em certas ocasiões, sobretudo nas que é prejudicado por outrem, o crente fique chateado e, consequentemente, suscetível a pecar. Muitas vezes, além de ficarem aborrecidos, alguns irmãos dão lugar ao velho homem (Rm 6.6). E este, por sinal, não é nada agradável. Então, como devemos agir ou o que cabe-nos fazer mediante alguma perda de nossa parte?

Em Provérbios 24.17, a Bíblia diz-nos algo sobre como devemos agir em situações em que sofremos algum tipo de prejuízo causado por outrem. No versículo citado está escrito assim: "Quando cair o teu inimigo, não te alegres, e não se regozije o teu coração quando ele tropeçar". Logo, podemos entender, a partir desse conselho, que o cristão peca, caso se alegre com a desventura alheia.

Jesus foi enfático, quando admoestou seus discípulos sobre o verdadeiro amor: "Eu, porém, vos digo: Amai a vossos inimigos, bendizei os que vos maldizem, fazei bem aos que vos odeiam e orai pelos que vos maltratam e vos perseguem" (Mt 5.44). Por que o Mestre disse isso? "Para que sejais filhos do Pai que está nos céus" (Mt 5.45).

No Senhor,

João Paulo M. de Souza

sábado, 9 de março de 2013

O retrato da geração perversa e sem Deus em Romanos 1


O pós-modernismo impera na mente de miríades de pessoas. Consequentemente, as verdades absolutas de Deus esposadas em Sua Palavra, a Bíblia Sagrada, são ridicularizadas e combatidas com unhas e dentes nas diversas mídias existentes, bem como em famosas universidades e faculdades em todo o mundo. A valorização do aborto, do ativismo gay, da corrupção e de tantas outras discrepâncias  morais, sociais e espirituais estão na crista da onda. No entanto, em Romanos 1. 19-32, encontramos o porquê dessa revolução anárquica.

As atitudes réprobas dos homens e mulheres dos tempos passados, e que, mais do que nunca, pululam hoje na sociedade, são, abertamente, abominações aos olhos do Senhor (Tg 4.4). Para melhor entendimento dessas mazelas, recomendamos ao (à) leitor (a) que, com vagar, leia Romanos 1.19-32 e reflita seriamente sobre o que está escrito nesse livro.

Recomendação do Senhor para nós outros: "E não sejais cúmplices nas obras infrutíferas das trevas; antes, porém, reprovai-as. Porque o que eles fazem em oculto, o só referir é vergonha" (Ef 5.11, 12).

Orai por nós!

João Paulo M. de Souza

quarta-feira, 6 de março de 2013

Sente-se sozinho (a) e triste, simplesmente faça uma "Súplica" ao Senhor

   
             

Ainda que as pessoas em que confiamos nos faltem com o que necessariamente precisamos, lembremo-nos de que estamos lidando com seres falíveis. Entretanto, jamais nos esqueçamos do Senhor. Ele é o meu amigo. Ele é o teu amigo. O Oleiro nunca abandona o seu barro, pois sempre o escuta em meio às tempestades da vida:

"Na minha angústia, invoquei o SENHOR, gritei por socorro ao meu Deus. Ele do seu templo ouviu a minha voz, e o meu clamor lhe penetrou os ouvidos. Trouxe-me para um lugar espaçoso; livrou-me, porque ele se agradou de mim" (Sl 18.6, 19).

JPMS

sexta-feira, 1 de março de 2013

Você costuma ler regularmente?


Você se considera um bom leitor? O que você tem lido recentemente, tem lhe servido de substrato para a vida? Se a sua resposta é sim, parabéns! Se, não, é bom rever os seus conceitos e sua visão de mundo. E quanto à Bíblia, que lugar Ela ocupa em sua existência? As Escrituras têm exercido total influência sobre você? 

Reflita sobre isso, nem que seja por um minuto...

Em Cristo,

João Paulo M. de Souza

Santo, Santo, Santo é o SENHOR!