quinta-feira, 25 de julho de 2013

Samuel: um exemplo de intercessor


"Samuel passou a noite inteira intercedendo por Saul, a fim de que o decreto divino fosse reconsiderado. Enquanto outros estavam em suas camas, dormindo, ele estava de joelhos, orando e lutando com Deus. E não se lamentou por ter ficado de fora do governo; nem estava satisfeito no íntimo, como muitos ficariam, porque Saul, seu sucessor, estava sendo rejeitado. Pelo contrário, orou insistentemente pela restauração de Saul, porque não desejava vê-lo excluído. A rejeição dos pecadores é uma tristeza para as pessoas boas. Deus não se deleita na morte deles, e nós também não deveríamos fazê-lo (Matthew Henry's Commentary on the Whole Bible, vol. 2, Nova Iorque: Fleming H. Revell Co., p. 360)."

_____________

BRANDT, Robert L.; BICKET, Zenas J.. Teologia bíblica da oração: o Espírito nos ajuda a orar. 3ª ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2003, p. 114.

Nenhum comentário: