sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Receba, processe, reflita e, somente depois, determine


Caro (a) leitor (a), quando você recebe qualquer informação ou é alvo de alguma impressão linguística externa, de que forma costuma agir? Aceita sem analisar minuciosamente o que lhe foi oferecido, ou abraça abruptamente o que lhe foi proposto, sem ao menos refletir sobre as intenções reais dos fatos? Para ajudar na resposta a essas dúvidas, discorreremos um pouco sobre essa temática.

O apóstolo Paulo, ao perceber a imaturidade de alguns irmãos colossenses, advertiu-lhes a respeito do domínio incontrolado que muitos líderes influentes exerciam sobre pessoas incautas: "Ninguém vos domine ao seu bel-prazer, com pretexto de humildade" (Cl 2.18; cf. 2.4). Sobre esse tipo de domínio opressivo falou Pedro:

"Apascentai o rebanho de Deus que está entre vós, tendo cuidado dele, não por força, mas voluntariamente; nem por torpe ganância, mas de ânimo pronto; nem como tendo domínio sobre a herança de Deus, mas servindo de exemplo ao rebanho" (1 Pe 5.2, 3).

O vocábulo "bel-prazer" significa "vontade ou prazer pessoal, capricho" (Houaiss) e revela  o sentido de um defraudador que ilude e enganar o seu próximo, privando este de receber a sua recompensa (boa) da parte de Deus. Será que, hoje, tanto quanto antes, não há pessoas interessadas em dominar a vida alheia? Creio que sim.

O que queremos alumiar por meio dessa reflexão é que, apesar das fortes influências de algumas lideranças cristãs sobre miríades de gentes, devemos ponderar tudo o que ouvimos e vemos da parte de homens que, diante de determinadas multidões, têm "carisma" e "poder" de convencimento. Vale lembrar que essa postura prudente e crítica também deve se estender aos outros aspectos da sociedade, não apenas ao religioso. Por isso, sempre estejamos atentos!

Em suma, receba, processe, reflita, para só depois, determinar. Tomemos muito cuidado quanto a isso - somos crentes, mas não tolos. A Unção do Santo nos orientará em tudo (1 Jo 2.20-27).

Em Cristo,

JPMS

Nenhum comentário: