sexta-feira, 6 de julho de 2012

A Palavra da Pregação de Cristo como juiz no último Dia


"Quem me rejeitar a mim e nao receber as minhas palavras já tem quem o julgue; a palavra que tenho pregado, essa o há de julgar no último Dia" (Jo 12.48).

Convertam-se a Deus os céticos ou não, a Palavra de Cristo os há de julgar no "último Dia". Neste grande evento, eles não poderão contra-argumentarem: "Porque eu [Jesus] não tenho falado de mim mesmo, mas o Pai, que me enviou, ele me deu mandamento sobre o que hei de dizer e sobre o que hei de falar" (Jo 12.49).

Ademais, quer saber quem é esse Jesus? Aquele "que há de julgar os vivos e os mortos, na sua vinda e no seu Reino" (2 Tm 4.1)!

No Senhor,

João Paulo M. de Souza

Nenhum comentário: