quinta-feira, 7 de abril de 2011

Deus vê o coração

As escolhas de Deus são melhores que as dos homens, ainda que elas "pareçam" contraditórias. Falando disso, lembro-me da decisão que o profeta Samuel ia fazer, na casa de Jessé, o belemita. Quando o homem de Deus viu Eliabe, foi logo concluindo:  "Certamente está perante o SENHOR o seu ungido"  (1  Sm 16.6). No entanto, foi repreendido pelo Senhor: "Não atentes para a sua aparência, nem para a grandeza da sua estatura, porque o tenho rejeitado; porque o SENHOR não vê como vê o homem, pois o homem vê o que está diante dos olhos, porém o SENHOR olha para o coração" (v.7).

Apredemos com esse fato  que o homem é falho e pode cometer erros graves. Em contrapartida, Deus nunca falha (Js 23.14), as suas escolhas são certas. "Deus escolheu as coisas loucas deste mundo para confundir as sábias; e Deus escolheu as coisas fracas deste mundo para confundir as fortes; e Deus escolheu as coisas vis deste mundo, e as desprezíveis, e as que não são, para aniquilar as que são" (1 Co 1.27,28). Alguém pode indagar: "Por que Deus age dessa forma?". Simples: "Para que nenhuma carne se glorie perante ele" (1  Co 1.29).

Em Cristo,

JPMS

Nenhum comentário: