sábado, 29 de maio de 2010

A quem se refere o título "rosa de Sarom" em Cantares 2.1?

Em nosso meio, é notório as pessoas repetirem o que os outros dizem sem saberem se aquilo que ouvem tem respaldo bíblico ou não. Isso é sinal de despreparo, e até de relaxamento. Entretanto, a Bíblia ensina-nos a estar preparados diante de Deus, e a manejarmos idoneamente a Palavra da verdade (2 Tm 2.15; Ne 8.8).

Ao contrário do que muitos pensam, a designação “rosa de Sarom” (Ct 2.1) não se refere a Cristo, mas a sulamita, que é uma representação espiritual da Igreja. Se lermos a partir dos dois versículos anteriores ao versículo em análise, fica mais claro o entendimento sobre quem realmente está falando

“Eis que és gentil e agradável, ó amado meu; o nosso leito é viçoso. As traves da nossa casa são de cedro, as nossas varandas, de cipreste. Eu sou a rosa de Sarom, o lírio dos vales” (Ct 1.16, 17; 2.1). 

Neste verso, também nota-se que ela se autodenomina “lírio dos vales”. Portanto, não sejamos relaxados quanto ao manuseio da Palavra, mas imitemos o bom exemplo dos irmãos de Bereia, que “de bom grado receberam a palavra, examinando cada dia nas Escrituras se estas coisas eram assim” (At 17.11).

Tomemos bastante cuidado com os que cantam, pregam, e ensinam a Bíblia erroneamente, e que, às vezes, fazem isso para agradarem ao povo ou a si mesmos!

“Os entendidos, pois, resplandecerão como o resplendor do firmamento; e os que a muitos ensinam a justiça refulgirão como as estrelas, sempre e eternamente” (Dn 12.3).

Em Cristo,

João Paulo M. de Souza

Um comentário:

Elton Morais disse...

Ótima exposição da Palavra do Senhor.

Continuemos como os crentes de Beréia.


No Profundo Amor de Cristo,
Elton Morais